NOTÍCIAS

14/04/2016

A cor do vinho Rosé

Amado como só ele pode ser, mas no entanto, muitos bebedores de vinho não sabem como o vinho Rosé é feito. E não, não são uvas cor de rosa que lhe dão que sua cor.

Existem muitos estilos de rosé , e algumas técnicas diferentes para produzi-lo. Um método utilizado principalmente para os vinhos espumantes é a mistura de vinho branco e do vinho tinto para atingir esse cor agradavelmente rosa. E, embora este método pareça simples, isso não significa que ele fique bom.

Outro método envolve a extração  de um sumo bem grosso de um lote de vinho tinto . O sumo extraído é usado para fazer o vinho Rosé e o vinho vermelho remanescente volta simultaneamente mais concentrado. 

A técnica chamada maceração, é mais complexa e a  mais comum . O Rosé é feito como o vinho tinto (que é feito com as peles da uva), mas no caso do Rose as peles que dão a cor do suco são removidos no início do processo, deixando apenas um toque de cor no vinho.

Embora ambos vinho tinto e rosé obtm a sua cor a partir das peles de uvas, o tom irá variar dependendo do tempo que o suco está em contacto com as peles.No caso do Rose, fica geralmente entre  2 e 20 horas . É por isso que a cor rosé varia tanto entre as marcas. De acordo com o Wine Folly, a maceração é a técnica mais comum  e é usado em regiões que são bem conhecidos pelo seu Rosé, incluindo a região de Provence. Este método é ilustrado no gráfico no inicio dessa matéria

Então, se você é um conhecedor de vinhos de longa data ou casualmente se envolveu com ele, há uma coisa que todos nós devemos concordar: Há sempre tempo para parar se apreciar um bom  Rosé. 

PUBLICIDADE