NOTÍCIAS

06/08/2015

Uísque envelhecido no espaço

Uma das maiores destilarias do Japão enviará várias amostras de seu uísque ao espaço para que envelheçam durante vários anos na Estação Espacial Internacional (ISS), como parte de um projeto para desenvolver uma bebida mais suave.

O grupo de bebidas japonês Suntory enviará a bebida a bordo de um transportador de carga não-tripulado HTV5, também chamado "Konotori 5" (Cegonha branca), cujo lançamento vai acontecer no próximo dia 16 de agosto do centro espacial de Tanegashima, no sudoeste do país, informou nesta quarta-feira, 5, o jornal "Asahi".

No total seis tipos de uísque produzido pela destiladora japonesa serão enviados à ISS, entre eles amostras de 10, 18 e 21 anos, assim como licores destilados que não foram submetidos ao processo de envelhecimento.

Os compostos amadurecerão a bordo da estação espacial durante vários anos antes de retornar à Terra, segundo detalhou a companhia.

A Suntory sustenta a hipótese de que, por não haver gravidade no espaço que influa no movimento dos fluidos, as moléculas de água e as de álcool podem unir-se mais facilmente, dando como resultado um uísque de sabor mais suave a sua volta.

Dado que a meta do projeto é aprender sobre o processo para conseguir um uísque mais suave, a Suntory antecipou ao jornal japonês que a bebida envelhecida no espaço não será vendida ao público. Pela Agência EFE

PUBLICIDADE